31 de março de 2014

O diabo não foi diabo desde o princípio, pelo contrário, ele tornou-se diabo. Fora criado pelo próprio Deus bem antes da existência do homem, veio a existência já em forma adulta e como Adão não teve infância, ele era o querubim da guarda e sua função era guardar a glória de Deus e conduzir os louvores dos anjos, uma terça parte destes estavam sob o seu comando, era o símbolo da perfeição, cheio de sabedoria e formosura.

(...) Tu és o sinete da perfeição, cheio de sabedoria e formosura. Estavas no Éden, jardim de Deus; de todas as pedras preciosas te cobrias: o sárdio, o topázio, o diamante, o berilo, o ônix, o jaspe, a safira, o carbúnculo, e a esmeralda; de ouro se te fizeram os engastes e os ornamentos; no dia em que foste criado, foram eles preparados. Tu eras querubim da guarda ungido, e te estabeleci; permanecias no monte santo de Deus, no brilho das pedras andava. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado até que se achou iniquidade em ti. Ezequiel 28. 12-15

O que então, fez de lúcifer diabo?
O orgulho!


Quando lúcifer se viu no brilho das pedras preciosas e percebeu que sobrepujava os outros anjos em beleza, sabedoria e formosura desejou no seu coração ser adorado com o Altíssimo o era. 

Tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu; acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono e no monte da congregação me assentarei, nas extremidades do norte; subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo. Isaías 14. 13-14

Dessa forma, Deus que jamais tolera o pecado e da mesma forma não inocenta o pecador, teve que expulsá-lo do Éden juntamente com a terça parte dos anjos que estavam sob a sua jurisdição, assim lúcifer, tornou-se diabo, de filho da luz a príncipe das trevas, e seus subordinados semelhantemente se tornaram demônios.

O que destruiu lúcifer e o transformou em diabo foi o orgulho, exatamente dessa mesma forma muitas pessoas tem sido destruídas hoje em dia, por causa do desejo de ser maior, ser independente, não aceitam ajuda, não acatam ordens de superiores, não reconhecem quando erram e se perdem cegas em seu orgulho destruindo assim a si mesmas e aos que de alguma forma estão ligados a si.

Na fé, Sempre!
Pastor Régis Castro
Categories:

0 comentários:

Postar um comentário

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!