7 de março de 2014


A maioria, se não todas as pessoas que cometem suicídio, o fazem por acreditar que a morte é o fim de tudo, de seus problemas e fracassos na vida, outros levam a vida regalada e desregrada, por também pensarem desse modo, contudo a morte é apenas o início de uma eternidade que para muitos pode ser um problema sem fim.

Ao contrário do que muitos pensam, a morte não é um descanso eterno para a maioria, porém tormento eterno para aqueles que viveram a sua vida a satisfazer seus desejos corruptos e sem dá crédito algum a Palavra de Deus. Para outros sim, será de descanso e gozo eterno, mas somente àqueles que juntamente com Cristo crucificaram à sua carne, e viveram a satisfazer tão somente á Deus, por meio da obediência à Sua Palavra.

O Senhor Jesus nos ensina que imediatamente após a morte, a nossa alma será conduzida ao Céu para então vivermos a paz eterna, ou para o inferno, onde há tormento, choro e ranger de dentes também eternamente, o que determina para onde iremos é a vida que estamos a viver agora, se vivemos pela fé no Senhor Jesus, em tudo obedientes à Sua Palavra, é certo que ao morremos imediatamente iremos para o Pai, contudo se vivemos para este mundo, também é certo que imediatamente após a morte seremos conduzidos ao inferno e por fim, após o juízo final, ao lago de fogo e enxofre, ou seja, a segunda morte, a morte que nunca morre.

E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão; e morreu também o rico, e foi sepultado. E no inferno, ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio. Lucas 16:22-23

E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo. Apocalipse 20:14-15

A morte não é o fim de tudo, é apenas o princípio da eternidade da nossa alma, pode ser uma eternidade de sofrimentos e tormentos sem fim, como também pode ser de paz, alegria e gozo eterno da alma, a escolha quem faz não é Deus, pois a nós foi dado livre-arbítrio para escolhermos e julgarmos o que é melhor para nossa vida.

Na fé, Sempre!
Pastor Régis Castro
Categories: ,

0 comentários:

Postar um comentário

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!