15 de fevereiro de 2014


O inferno é um lugar de tormento, juízo e suplício eternos, descrito pelo próprio Senhor Jesus Cristo como o lugar onde o verme nunca morre e o fogo nunca se apaga, fora criado com uma exclusiva finalidade, encarcerar para o juízo os seguidores de satanás na sua rebelião contra Deus.

"Ora, se Deus não poupou anjos quando pecaram, antes, precipitando-os no inferno, os entregou a abismo de trevas, reservando-os para juízo." 2 Pedro 2.4

Do mesmo modo, o inferno será a morada eterna daqueles que se fazem inimigos de Deus por se manterem rebeldes à sua palavra. Sendo assim, é necessário compreender que Deus é amor, mas também é justiça tanto quanto amor, e por ser justo, jamais tolera ou inocenta o culpado, antes, cada um responderá por seus atos diante de Deus.

No inferno os gritos de socorro serão ensurdecedores, vozes clamando por ajuda ecoarão por entre as cavernas do abismo, e não será possível fazer mais nada, pois todas as vezes que era dada uma oportunidade para conhecer e andar em comunhão com o Filho de Deus, preferia-se o mundo e suas paixões e concupiscências.

Há três coisas que acompanham aqueles que irão para o Inferno:
1 - A Consciência - Por meio da qual se estará ciente de seu tormento.
2 - A Memória - Pela qual se lembrará de todas as vezes que teve a oportunidade de arrepender-se e recusou. E,
3 - A Razão - O raciocínio.

É importante ressaltar, o inferno não fora criado para os seres humanos, mas para satanás e seus demônios, contudo muitas pessoas irão para o inferno por não darem ouvidos à voz de Deus e muitos só perceberão quando for tarde demais.

Na fé, Sempre!
Pastor Régis Castro
Categories:

0 comentários:

Postar um comentário

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!