22 de janeiro de 2014

Uma amizade sincera, concreta e verdadeira significa ter ao seu lado alguém em todos os momentos da vida, quer sejam bons ou maus. Um inimigo, porém, significa a afronta, ser confrontado, caluniado e por vezes até humilhado. Quando se é amigo de uma pessoa deseja-lhe o que é bom, aos inimigos, porém, o desejo é de reduzi-los a nada.

Se eu lhe perguntasse se você desejaria ter inimigos, você certamente me diria que não, mas muitos se têm feito inimigos de Deus, contudo Ele deseja ardentemente a nossa amizade, e dessa amizade depende nossas conquistas materiais, espirituais e sobretudo a salvação eterna da alma.

Atente bem às palavra do Senhor Jesus. “Vós sois meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando.” João 15:14

Pois bem, meu amigo e minha amiga, você tem feito o que Deus tem nos mandado? tem abandonado a vida errada na mentira, roubo, vícios, adultério, prostituição, farras e bebedices? Se sua resposta é não, então você é inimigo de Deus.

“Não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus.” Tiago 4:4

Se você deseja a amizade de Deus, você não pode ter nenhum tipo de vínculo ao mundo e suas paixões desenfreadas, na verdade a amizade com Deus nos faz andar na contramão do mundo, pois tudo que é aceitável ao mundo nos distancia de Deus e nos torna inimigos d’Ele.

Compreenda que Deus não converte ninguém para si e nem escolhe um círculo de amizades, somos nós a usar nossa inteligência e livre-arbítrio que decidimos por bem amá-lo e servi-lo. Você pode fazer o mesmo, é só excluir da sua vida tudo o que diz respeito ao mundo e preenchê-la com tudo que vem do Reino de Deus.

“Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer.” 
João 15:15

Na fé, Sempre!
Pastor Régis Castro
Categories: ,

0 comentários:

Postar um comentário

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!